A alimentação durante o trekking

A ALIMENTAÇÃO DURANTE O TREKKING

Nosso organismo necessita, e muito, de alguma forma de "combustível" para funcionar e nada mais "alimentar" (com o perdão do trocadilho) que uma boa refeição quando estamos praticando alguma atividade.

Em atividades outdoor, como o trekking, devemos dar a devida atenção à alimentação, pois além de garantir o combustível necessário para aproveitar a atividade ela também garante a nossa saúde.

Durante uma atividade, podendo ser de menor ou maior dificuldade sempre é importante a hidratação. Água em quantidade e qualidade é importante para nosso rendimento em um Trekking. Digamos no mínimo 2 litros por dia. Faça o seguinte, durante o seu Trekking leve uma garrafa de pet 2L ou cantil e a encha sempre que achar água (potável é claro), uma boa é comprar algumas pastilhas de cloro, que desinfetam a água em poucos minutos.

Dependendo da extensão do seu trekking seu cardápio poderá variar de algumas frutas e lanches até ter que cozinhar por muitos dias. A regra é: leve o menor peso, mais energético e maior conservação.

Trekking Leve (1 dia)

Frutas: qualquer tipo, cuide para não amassar dentro da mochila - recomendo Bergamota (mexerica),laranja ou kiwi pelas vitaminas, Banana pelo potássio e/ou frutas cristalizadas como figo, ameixa; Chocolates;

Sanduíches: Presunto, queijo ou salame ( preparados no dia ), não use maionese, requeijão. Opte por margarinas lights ou geleias. O salame tem maior durabilidade;
Bolachinhas recheadas;

Alguma coisa com um pouco de sal, tipo avelã, amendoim ou castanha de caju;

Um pé de moleque é uma boa pedida e junto com uma Bebida isotônica (santal/gatorade/red bull) garantem a reposição de sais minerais.

Faça paradas estratégicas para a alimentação, respeite seus horários, pare na sombra, em um lugar aprazível, descanse o que achar necessário após a refeição.

Evite cardápios exóticos pêlos lugares que passa. Muitas iguarias regionais são um veneno para quem não está acostumado. Assim como frutas silvestres.

Travessias

Em um Trekking com mais dias adicione a sua mochila:

  • Frutas: Maçã, laranja;
  • Leite em pó e café solúvel;
  • Sopas/macarrão instantâneo;
  • Patê de fígado ou de frango;
  • Pão integral ou bisnaguinhas;
  • Arroz em saquinhos.

Acondicione em embalagens plásticas e não misture-os. Se possível embrulhe sanduíches e patês em papel alumínio, ele também tem utilidade para outras coisas. Durante a noite use e abuse de chás naturais. Cidreira, Camomila, marcela, laranjeira, hortelã, funcho, tudo de graça e muito saudável. Aprenda a identifica-las na sua cidade em uma visita ao jardim botânico ou floricultura. Coma em intervalos menores, poucas quantidades e evite alimentação gordurosa ou que só sirva para "tapar buraco", quando estiver com muita fome beba água ou outra bebida, isto ameniza a ação dos ácidos e envia uma mensagem para nosso cérebro que diminui a sensação de fome.

Nunca é demais lembrar: Não deixe embalagens e alimentos pelos locais que passam, atraem animais, doenças e deixam sua marca (coisa que a natureza não precisa). Embrulhe tudo nas embalagens e traga de volta, no máximo material orgânico poderá enterrado para que a própria natureza recicle-o.