Praticantes

Trekking » Quem pode praticar

Com disposição, qualquer um pode aderir às caminhadas, que, além de baratas, não requerem equipamentos especiais. Entretanto, desbravar lugares selvagens, cruzando florestas, rios, montanhas e dunas de areia, exige planejamento e, muitas vezes, a companhia de guias experientes.

Os riscos do trekking são imprevisíveis. Existe risco de se perder numa trilha, por isso é sempre bom ir bem acompanhado com alguém que já a tenha feito.

Um bom condicionamento físico é legal para aguentar longas caminhadas, mas caso não esteja em plena forma física você pode começar a fazer pequenas caminhadas em parques, praias e bosques para começar a pegar rítmo. Aos poucos vá aumentando as passadas e o tempo dos passeios. Em poucas semanas você estará pronto para aguentar trilhas de médio porte.

Não existe idade mínima para iniciar a fazer caminhadas.


Primeiros Passos

Caminhada é a forma mais básica de se aventurar por aí. Mesmo quem se dedica a esportes mais evoluídos - escalada, canyoning, mountain bike - passa antes pela caminhada ou se beneficia da experiência adquirida nas trilhas. Caminhar em trilha ou na cidade é arte que exige ritmo, uma passada regular e equilíbrio para conservar energia e poder ir longe. O ideal é que o movimento se torne seguro e fluido, para que se possa prestar atenção à paisagem.

Algumas dicas podem ajudá-lo a caminhar melhor:

» Alongue o comprimento da passada - 3 passadas longas consomem menos energia do que 4 ou 5 passadas curtas.

» Mantenha uma velocidade que permita você conversar com seus companheiros.

» Em descidas muito imprimes, desça de frente para a parede, olhando por entre as pernas para estudar o terreno mais abaixo.

» Um bom grupo de caminhada varia de 5 ou 6 pessoas. O grupo deve ficar unido durante toda a caminhada.

» Na subida, é o pé de trás fixo que serve de apoio, evitando assim quedas.

» As botas de caminhada devem ser resistentes e confortáveis - use duas meias, uma fina com outra de lã por cima para reduzir o atrito do pé com o calçado e evitar que o pé fique molhado com suor. Meias de algodão encharcam facilmente.


Cuidados com a água

Em campos e planícies, onde houver gado pastando, toda a água é suspeita e deve ser tratada. Um riacho largo ou fundo o suficiente para um banho já não pode ser considerado potável. Mesmo a água com sinais de ser pura e cristalina deve ser inspecionada. A água que nasce das matas, bosques ou pequenas capoeiras acima das pastagens geralmente pode ser bebida sem receio. Nas trilhas e montanhas mais altas, a maior parte dos cursos d'água ainda não foi contaminada. Para tratar a água e torná-la potável, o mais comum é fervê-la ou usar compostos clorados, encontrados em qualquer farmácia.